Press "Enter" to skip to content

Vão-se as geleiras, ficam os lagos

Estudo da Universidade de Friburbo, na Suíça, indica que a grande maioria das geleiras na região central do país desaparecerá totalmente até 2100 devido ao aquecimento global. Em uma das geleiras estudadas, na área de Reuss, zona central da Suíça, cerca de 1.4 quilômetros cúbicos de gelo, o equivalente a 15km2, derreteu entre os anos de 1973 e 2010.

Uma análise recente registrou aumento na temperatura média anual do ar da Suíça de 1,75 graus Celsius ao longo dos últimos 150 anos. Projeta-se que a temperatura poderá subir outros 3 graus Celsius até 2100, dependendo do cenário de emissão de gases de efeito estufa.

O gráfico mostra a mudança no comprimento de quatro das geleiras monitoradas na Suíça. Fonte: ETH Zurich/ Laboratory of Hydraulics, Hydrology and Glaciology VAW

O derretimento das geleiras traz grande alteração da paisagem. Ao longo dos últimos séculos, as geleiras escavaram os vales alpinos, carregando pedras e criando profundas depressões no relevo. Em alguns pontos, criam-se as condições para a formação de lagos, que vão aparecendo na região à medida que as geleiras derretem. Um exemplo é o lago da região de Hüfi, formado após o recuo do gelo.

Outro impacto causado pela retração das geleiras acontecerá sobre o fornecimento de água. O estudo prevê que no final deste século, o fluxo de água em córregos, rios e águas subterrâneas poderá cair em 60% nos meses de agosto e setembro. Eventos de seca poderão interferir gravemente na disponibilidade de água e no abastecimento.

Antes e depois

O fotógrafo e desenvolvedor de software Simon Oberli, da Suíça, tem como hobby fotografar a natureza. Isso inclui as montanhas  a fauna, a flora, e a paisagem dos Alpes. Os passeios fotográficos pelas montanhas o levou até as geleiras, cujo rápido processo de derretimento despertou seu interesse. Ele passou a voltar às geleiras visitadas anteriormente para fotografar as alterações. O resultado é o projeto SwissGlaciers.org. Abaixo foram seleionadas algumas das geleiras fotografadas por Simon. As fotos superiores são mais antigas, e as inferiores, mais recentes.

1. Geleira de Kanderfirn – comparação entre 2009 e 2016

before

after

2. Geleira de Lang – comparação entre 2006 e 2016

before

after

3. Geleira de Oberaar – comparação entre 2010 e 2017

before

after

4. Geleira de Rhone – comparação entre 2007 e 2017

before

after

5. Geleira de Stein – comparação entre 2006 e 2015

before

after

6. Geleira de Gries – comparação entre 2003 e 2016

before

after

7. Geleira de Chaltwasser – comparação entre 2009 e 2016

before

after

Fonte: Swissinfo
Imagem: Geleira de Tiefen/ SwissGlaciers.org

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: