Press "Enter" to skip to content

Impactos do nível do mar no Parque Natural de Jacarenema

O aumento do nível do mar pode causar impactos significativos no Parque Natural Municipal de Jacarenema,
localizado em Vila Velha, Espírito Santo, identificou estudo de pesquisadores da Universidade Federal do Espírito Santo.

Por causa das baixas altitudes e da proximidade do mar, as zonas costeiras possuem vulnerabilidade natural ​​à erosão e à inundação. Segundo o estudo, a interação entre o continente e o oceano leva a constantes ajustes na morfologia dessas zonas, em especial devido ao transporte e deposição de sedimentos.

Uma das consequências do aquecimento global é o aumento do nível médio do mar. As regiões mais afetadas por esse aumento serão as zonas costeiras.

O objetivo do estudo foi identificar os impactos do aumento do nível do mar no Parque Natural Municipal de Jacarenema, na cidade de Vila Velha, Espírito Santo. O Parque possui área de 346,27 ha, abrangendo, entre outros, o Morro da Concha, o estuário do rio Jucu e seus manguezais, e trechos de vegetação de restinga adjacentes à Rodovia do Sol.

Utilizou-se como referência o cenário mais pessimista do último relatório do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas – IPCC, na sigla em inglês. Nele, projeta-se até 2100 uma elevação de 1 metro acima do nível médio do mar registrado no período pré-industrial.

A partir do levantamento da composição sedimentar e da altimetria do Parque, investigou-se a vulnerabilidade atual à erosão e à inundação, bem como os possíveis impactos do aumento do nível do mar. Os resultados mostraram que 40,24 hectares do Parque, ou 11,62% da área total, seria perdida com a elevação de 1 metro do nível do mar.

Sob a influência do aumento do nível do mar, o rio Jucu também experimentaria um aumento de nível, tanto no estuário quanto no interior do parque, nas planícies fluviais. O estudo mapeou os pontos mais vulneráveis à inundação e à erosão.

As áreas de brejo, restinga e manguezal foram as mais atingidas, dada as sua baixas altitudes. Impactos indiretos estariam associados com a perda dessas áreas. Por exemplo, sem a restinga, as dunas presentes no Parque ficariam expostas à desestabilização. 

No estuário do rio, identificou-se que residências e outras infraestruturas urbanas também seriam afetadas.

O estudo ofereceu um exemplo local de possíveis consequências do aquecimento global. O manejo do Parque Natural Municipal de Jacarenema demandará o planejamento de ações de adaptação ao aumento do nível do mar. 

Mais informações: Flood and erosion potential of the municipal natural park of Jacarenema, Vila Velha-Es
Imagem: figura 1 do estudo – mapa de localização e limites do Parque Natural Municipal de Jacarenema

%d blogueiros gostam disto: