Press "Enter" to skip to content

Gráfico da energia acumulada no planeta

Devido ao aumento das concentrações atmosféricas de gases de efeito estufa, o sistema climático da Terra está em desequilíbrio. Ele absorve mais energia do que emite de volta para o espaço, provocando o aquecimento global.

A ciência do clima busca estimar a quantidade de energia que tem sido acumulada ao longo do tempo pelos diferentes componentes do sistema climático. Pequenas quantidades do excesso de energia aquecem a atmosfera e os continentes, ou converte o gelo da criosfera em água ou vapor d’água.

Mas quase a totalidade da energia adicional se armazena nos oceanos. O gráfico acima apresenta as estimativas de absorção da energia adicional no período entre 1971 e 2010, segundo diferentes componentes do sistema climático.

Cerca de 93% do total foi absorvida pelos oceanos. A camada superior, de até 700 metros de profundidade – cor azul claro – , respondeu pela maior quantidade de energia, seguida pela camada inferior, com profundidades superiores a 700 metros – cor azul escuro.

No gráfico, a energia convertida no derretimento de gelo é destacada na cor cinza claro. O aquecimento dos continentes está marcado na cor laranja, e da atmosfera, roxa.

A quantidade total de energia acumulada no período foi calculada em 274 ZJ (1 ZJ = 1021 J). Isso representaria, em uma média, 213 TW a mais de energia por ano, mais de 10 vezes o suprimento anual global de energia.

Fonte e gráfico: IPCC/ Figura box 3.1-1

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: