Press "Enter" to skip to content

Aves marinhas ameaçadas pelo aquecimento global

As aves marinhas podem ser vulneráveis à alterações causadas pelo aquecimento global. Estudo de dezenas de especialistas de todo o mundo alerta para potenciais ameaças à reprodução e à criação de filhotes das aves.

O grupo das aves marinhas é atualmente o mais ameaçado. Em geral, elas possuem baixa taxa de fertilidade – poucos filhotes por ninhada – começam a se reproduzir em idade avançada. O estado de conservação de várias espécies está piorando. 

A partir de dados coletados entre 1952 e 2016, o estudo analisou os padrões de reprodução de 62 espécies diferentes de aves marinhas. Nesse período, registrou-se um crescimento significativo da temperatura das águas superficiais dos oceanos devido ao aquecimento.

A mudança das temperaturas está influenciando os padrões de reprodução de animais marinhos como lulas e sardinhas, diz o estudo. As aves marinhas, por sua vez, não estão adaptando seu ritmo biológico da mesma maneira.

O problema é que os animais marinhos constituem a base alimentar das aves. Dessa forma, as temperaturas mais altas dos oceanos podem provocar um descompasso entre o ciclo de reprodução das aves e os estágios em que as presas são mais abundantes.

Casa as aves não consigam adaptar o ciclo de vida às novas condições, ficará mais difícil, especialmente na época de reprodução, encontrar alimentos e criar os filhotes. Constituiria uma nova pressão sobre várias populações de aves que no presente já estão vulneráveis.

Os cientistas sugerem que, nas regiões do Atlântico e do Mediterrâneo, espécies migratórias de longa distância serão as mais afetadas por causa da variação das mudanças climáticas em diferentes áreas do planeta.

As espécies com menor flexibilidade na adaptação de seus ciclos de vida devem sofrer os maiores impactos. E também aquelas mais expostas à alteração no ciclo de vida das presas, como, por exemplo, os petréis gigantes e os albatrozes.

Fonte: Universidade de Barcelona
Imagem: Pixabay

Comments are closed.