Press "Enter" to skip to content

As queimadas ao redor do mundo

Produzido pela agência espacial dos Estados Unidos – NASA, a animação acima apresenta a ocorrência de queimadas ao redor do mundo entre os anos 2000 e 2010.

Elaborado a partir de imagens de satélite, as cores indicam o número – e não o tamanho – dos incêndios registrados em áreas correspondentes a 1.000 quilômetros quadrados. A cor branca representa até 30 focos por dia, a cor laranja, 10, e a cor vermelha, somente 1.

Nas florestas tropicais da América do Sul e da Ásia equatorial, a temporada de incêndios vai de agosto a outubro. Em geral, ela é resultado da atividade humana, quando as pessoas aproveitam a estação seca para limpar áreas de vegetação.

Associado à prática da agricultura, as queimadas também varrem grandes extensões da Eurásia, da América do Norte e do Sudeste Asiático. Trechos das florestas boreais e temperadas da América do Norte e da Eurásia sofrem com incêndios no verão. Na Austrália, são raros os meses em que não se observa nenhuma queimada.

No entanto, segundo a NASA, a África constitui o continente do fogo. Em específicos momentos do ano, a África pode responder pela grande maioria dos incêndios que ocorrem em todo o mundo. O pico global do fogo coincide com a estação do fogo no Hemisfério Sul, em boa parte em função das queimadas da África.

Fonte: NASA

Informações científicas e recursos audiovisuais sobre o aquecimento global, o efeito estufa e as mudanças climáticas
%d blogueiros gostam disto: