Press "Enter" to skip to content

As árvores e o clima do passado

O aquecimento global está provocando mudanças no sistema climático em uma velocidade bem mais rápida do que as variações naturais experimentadas no passado da Terra.

Uma das principais fontes para a compreensão do que é e por quais mudanças o sistema climático atravessa ao longo do tempo são estudos paleoclimáticos. Por meio da investigação de registros do passado geológico terrestre, como fósseis ou sedimentos marinhos, os cientistas obtém informações das condições ambientais há séculos ou há milhares de anos atrás.

Uma das formas de estudar o passado ocorre por meio da análise de anéis de crescimento dos troncos de árvores. No vídeo acima (em inglês), o professor Tim Osborn, da Universidade de East Anglia, no Reino Unido, descreve a metodologia do uso das árvores para se reconstruir o clima do passado do planeta.

A palestra iniciar mencionando os relatórios do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas – IPCC, na sigla em inglês. Eles ilustram como a comunidade científica foi reunindo evidências ao longo dos últimos 30 anos do avanço do aquecimento global originado pelas atividades humanas.

O professor também explica que tanto o aumento da temperatura média global quanto o padrão regional de aumento de temperatura ao redor do planeta são indicadores do aquecimento. Em seguida, ele detalha o que são os anéis de crescimento das árvores, e como a partir deles a ciência infere as condições climáticas do passado. 

Fonte: Universidade de East Anglia

%d blogueiros gostam disto: