Press "Enter" to skip to content

Tecnologias para o produtor rural mitigar o aquecimento

O produtor rural terá à sua disposição duas ferramentas digitais para lidar com as mudanças climáticas. Elas podem auxiliar na redução das emissões de gases de efeito estufa e no cumprimento do Código Florestal, incluindo a regeneração de matas e florestas.

As ferramentas foram elaboradas pelos Ministérios da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e do Meio Ambiente, em conjunto com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa. A primeira delas é chamada de Plataforma ABC.

Ela permitirá o monitoramento da redução das emissões pelos proprietários rurais cadastrados. Entre as funcionalidades da plataforma, incluem-se a possibilidade de selecionar opções para reduzir as emissões, métodos de monitoramento, armazenamento e gestão das informações introduzidas no sistema.

A expectativa é que a Plataforma ABC permitirá reunir evidências tanto da implementação das políticas climáticas brasileiras quanto de seus efetivos resultados.

A segunda ferramenta é denominada WebAmbiente. Ela consiste em um simulador para a recomposição de áreas degradadas. Com o auxílio de imagens de satélites, é possível identificar as características locais da propriedade rural, como o bioma ou o tipo de solo, explorando a área específica para revegetação e as estratégias mais adequadas.

Outras funcionalidades são a indicação de espécies nativas, o cadastro de áreas, técnicas e modelos de viveiros, entre outras. A plataforma pode auxiliar o produtor a estar em dia com as obrigações do Código Florestal.

A plataforma WebAmbiente está no ar. É possível acessá-la no endereço eletrônico do Ministério do Meio Ambiente e no da Embrapa.

Fonte: Agência Brasil
Imagem: WebAmbiente

Comments are closed.