Press "Enter" to skip to content

Imagem: a borboleta e as estações do ano

As fotografias acima mostram a mesma espécie de borboleta – Bicyclus anynana – durante as estações de inverno (esquerda) e verão (direita). Essa espécie de borboleta africana muda a sua morfologia, como as cores das asas, e seu comportamento de forma a se adaptar ao contraste entre as estações. Os invernos são secos e os verões chuvosos.

Uma das consequências do aquecimento global é a alteração dos padrões climáticos nas diferentes estações do ano. Com isso, as condições atuais do clima durante o verão e o inverno podem flutuar mais ou se alterar, interferindo no contraste entre as estações.

Mas a borboleta africana não possui as variações genéticas necessárias para evoluir rapidamente em resposta às mudanças climáticas e ambientais.

Outras espécies cujo ciclo de vida esteja intimamente associado às diferenças sazonais do ano, como no caso da borboleta, ficarão mais vulneráveis à mudança do clima. Podem, dessa forma, enfrentar um maior risco de extinção no futuro.

Fonte: Wageningen University and Research

Informações científicas e recursos audiovisuais sobre o aquecimento global, o efeito estufa e as mudanças climáticas
%d blogueiros gostam disto: